Google+ Badge

domingo, 1 de junho de 2014

Fertilização in vitro (FIV)

Ando sumida do mundo dos blogs mas é por um motivo especial, passei todo o mês passado tomando vários remédio para a preparação do meu organismo para a FIV. No dia 9/5 fomos, meu marido e eu para Porto Alegre, ele faria a coleta do semen no sábado de manhã. No sábado foi realizada a coleta do material e no domingo foi realiza a retirado dos óvulos da doadora, ficaram para nós 9 óvulos, destes um foi perdido de início, sendo assim 8 seriam preparados, foram realizados o preparo dos óvulos no mesmo dia. Depois disso precisavamos aguardar a evolução dos óvulos fecundados, na segunda ligaram e disseram que 1 deles não tinha evoluído e foi descartado, na terça (a previsão de transferência era terça no máximo quarta) novamente uma ligação dizendo que mais um tinha sido descartado, sobrando 6 em evolução, na quarta ligaram e pediram que eu comparecesse na clínica pela manhã para a transferência. Quinta estava eu lá com a bexiga cheia para receber meus bebês. A transferência é simples, parece aquele exame para detectar problemas no útero só que com muitas pessoas ao redor. Fora a vontade de fazer xixi o resto é tranquilo, depois de realizada a transferência fiquei de repouso por 30 minutos, faz parte do procedimento. Foi transferido 2 óvulos fecundados, sobrando 4 para talvez serem congelados. Fui para o hotel ficar em repouso seguindo as instruções e torcendo para ter dado certo, pois é um tratamento caro e deixa o psicológico bem abalado. Os 4 que sobraram precisavam evoluir mais para serem congelados e ligariam no dia seguinte confirmando a possibilidade ou não do congelamento deles. Na sexta logo cedo recebemos a ligação em que nos informaram que os embriões não poderíam ser congelados. Isso deixou a gente bem triste pois se o tratamento não desse certo passaríamos por tudo novamente, pela espera em encontrar alguém compatível, pelo pagamento dos remédios da doadora, a preparação do meu organismo, o gasto com a clínica aff, falando em gastos, até agora já foi 23000,00 é muito dinheiro mas é para um sonho que está cada vez mais próximo de realizarmos. Quem já fez procedimento semelhante a esse sabe como essas coisas pesam, e que os 12 dias após a transferência são marcados de muitas incertezas, medos, até que saia o resultado do exame confirmando ou não a gravidez. Ah e para aqueles que se perguntam o pq não adotamos a resposta é: estamos na fila de adoção e até agora nada e olha que pedimos até 4 anos. Entramos com o pedido em março de 2013 no mesmo mês que iniciamos o tratamento.

Bom, ainda tenho muitas novidades mas já está tarde, depois termino.
Abraços a todos e desejem muita sorte para a gente.